Posts tagged “verbo

Rosto(s)


VFS_1695, originally uploaded by vfsphotos.

Os sentidos dentro do coração fazem as faces do vento.

Brisas de arrepios, lágrimas perdidas,
que tecem as memórias do tempo
partilhadas nas areias das praias antigas.

Somos desejo sem ser.

Livre,
espontâneo,

que corre para a consumação dos sonhos.

Anúncios

Transfiguração


03, originally uploaded by It’s just Jack.

 

renova o todo que te faz.
sê o próprio furacão!

faz amor com as palavras,
funda a alma ao corpo
e beija com o coração em pureza.

é no turbilhão dos sentires
que todo o verbo se conjuga.

e o que é, ser-te-á retribuído

em amor e criação!


Ternura Azul

Silver moon, originally uploaded by Spy to die 4.

 

depois do fragor do ruído
a memória da conquista é breve.

sobra a espuma nas conchas
em momento de nudez
                                           luar.

ondas lisas em prata
no silêncio do mar.

nesse sonho repousa o búzio,
em teu nome,

murmúrio.


É preciso chorar

the magical tree, originally uploaded by hkvam.

 

é preciso chorar

para Deus sentir
e o homem amar!

 

inspirado em Dois Rios


Sentimento(s)

 

talvez as palavras assumam sentidos que não pretendíamos
e lágrimas vertam do destino pensado.

talvez hajam momentos tristes que fazem as palavras pesadas
e o arquejar do corpo irrompa pleno.

talvez as esferas celestes estejam partidas.
talvez a vontade seja falaz.

talvez.

mas as palavras nunca serão apenas símbolos.

são o veludo,
onde se expressa a Voz do coração!


MultiVerso

 

volto à origem primordial,
onde o verbo é expressão intemporal.

o coração é o maior universo que conheço!

 

 


Pela Voz do multiVerso

 

foi-me dito em sonhos:

sê coerente contigo mesmo e luta pelas coisas que desejas,
sempre dentro da verdade e no respeito pelos outros.
segue esse caminho e o mundo abrir-se-á para ti.

não queiras ser mais, mas melhor!
primeiro interiormente.
depois, pelo possibilitar aos outros.

foi-me dito em sonhos,
pela Voz do multiVerso!